Ministro do STF suspende operação da PF que investigava fraudes na Superintendência do Pará.


O Ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes suspendeu uma operação que investigava fraudes na superintendência da pesca do Pará.

Alexandre de Moraes

A alegação é de que houve irregularidades na busca de documentos no Gabinete de uma Deputada Federal do Pará, que tem foro privilegiado.

O Ministro entendeu que a ação da Polícia Federal deveria ter autorização do Supremo Tribunal Federal, já que houve busca e apreensão de documentos no gabinete e no apartamento funcional da Deputada Federal Simone Morgado do PMDB do Pará.

Segundo a PF, a parlamentar que é casada com o Senador Jader Barbalho não é alvo da investigação.

Policiais buscavam provas contra uma servidora comissionada Suani de Moura, que seria funcionária da Deputada.

Anúncios

Um comentário sobre “Ministro do STF suspende operação da PF que investigava fraudes na Superintendência do Pará.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s